6º dia do festival com muito bate-papo, workshop e exibição de filmes

O 6º dia do 5º Santos Film Fest começou com um bate-papo com realizadores e contou com a presença de Hiro Ishikawa (que divide a direção do documentário “A Plebe é Rude”, com Diego da Costa), o estudante de Cinema e Audiovisual, Thomas Aguina (que dirige o curta-metragem, “Projeção”), Lucio Branco (diretor do curta, “NC5 Contra a Lei do Impedimento"), Xavier Plassat, frade dominicano da Comissão Pastoral da Terra (representando o diretor do documentário “Servidão”, Renato Barbieri do qual participa) e o diretor e documentarista Eduardo Rajabally (que apresenta o seu “Um Presente à Prova de Futuro”).

WordPress.com.

Acima ↑