Melhores Momentos da Cerimonia de Abertura do 3º Santos Film Fest

Ontem (28/08) ocorreu a cerimônia de abertura da 3ª Edição do Festival Internacional de Cinema “Santos Film Fest”. Destacamos aqui os melhores momentos da noite, que foi repleta de homenagens emocionantes e apresentações incríveis.

O Festival esse ano apresenta dois temas: “Qual Mundo Desejamos?”, uma reflexão necessária sobre a situação atual em que vivemos, trazendo a discussão sobre tolerância, diversidade e respeito as diferenças, tendo como base os 17 objetivos da agenda 2030 da ONU, e “Maratone com a Gente no Cinema”, trazendo de volta o público para as salas de cinema, com a importância deste evento social como foco para promoção da cultura e da educação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O diretor do Evento, André Azenha, fez um discurso emocionado agradecendo a todos que tornaram possível a realização deste evento, citando como o Santos Film Fest é um festival de resistência, das dificuldades de fazer cultura hoje em dia, de sua paixão por cinema e sua relação com o homenageado da noite, Rubens Edwald Filho.

Os apoiadores do festival foram homenageados e aplaudidos pela coragem de investir em cultura em um momento tão delicado do nosso cotidiano. É graças a dedicação e carinho destas pessoas que acreditam no potencial do festival que é possível realizar todas as atividades que acontecerão nos nove dias do Santos Film Fest.

Nascido na cidade de Santos, o ator Luciano Quirino nos agraciou com um discurso intenso, falando sobre as dificuldades que passou em sua carreira e a luta por igualdade de direitos. Luciano é um dos padrinhos do Santos Film Fest, além de ter sido homenageado na edição anterior. Nossa madrinha, a atriz Ondina Clais, agradeceu a presença de todos e pontuou a importância de festivais como o Santos Film Fest para o audiovisual brasileiro.

Por toda sua obra como crítico de cinema, escritor, produtor e muito mais, Rubens Edwald Filho foi o grande homenageado da noite. Com um vídeo emocionante mostrando a história de vida de Rubens e diversos testemunhos de amigos e família, a emocionante homenagem culminou com a entrega do Prêmio Luciano Quirino, das mãos do próprio ator que nomeia a premiação. Rubens ficou muito emocionado em seu discurso de agradecimento.

Foi então exibido o curta “Eu Preciso Dessas Palavras Escrita”, que de forma sensorial e impressionante faz uma homenagem ao artista Arthur Bispo do Rosário, interpretado na película por Luciano Quirino. O curta foi muito aplaudido e recebeu diversos elogios após sua exibição.

Para coroar a noite, um grupo musical apresentou canções de cinema ao vivo, com destaque para os temas de Moana e Os Miseráveis. O Momento mais marcante da apresentação, que aconteceu no dia de aniversário do famoso discurso de Martin Luther King, foi a música “Glory”, do filme Selma. A intérprete, além de cantar a música, recitou parte do discurso de King, fazendo um manifesto durante a performance.

Após esta incrível noite repleta de momentos emocionantes, o festival encontra-se oficialmente aberto e com a agenda sendo divulgada nas redes sociais, não deixe de conferir e aproveitar as mais de 90 exibições gratuitas em diversos locais da cidade!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: